transferir

Nos próximos cinco anos o investimento em tecnologia angariado através de crowdfunding vai aumentar sete vezes. O investimento em troca de uma participação na startup que o pede é a modalidade que mais tem crescido

A modalidade de equity é aquela que tem crescido de forma mais significativa. Prevê o acesso a quotas no capital da empresa que o pede em troca de investimento. O mercado do Reino Unido é o mais maduro no que se refere a esta modalidade de financiamento, nomeadamente em termos de legislação, admite a Juniper, que nos próximos anos vê outras regiões do globo a regular este modelo de financiamento colaborativo e com a isso a aumentar mais ainda a procura dos investidores.

Por enquanto, o modelo de recompensa continua a ser o mais utilizado, mas tem vindo a perder terreno para outras alternativas. Alguns fracassos mediáticos têm contribuído para levar as próprias plataformas a olhar para modelos híbridos que deem mais confiança aos investidores.

O investimento em troca de participações de capital e o empréstimo são as duas modalidades que ganham mais terreno. Os empréstimos vão mesmo somar a maior quota de investimentos em crowdfunding até 2020, embora a maior parte dos projetos financiados por esta via não estejam na tecnologia. O equity crowdfunding deve duplicar o valor.

Fonte: Sapo TEK

Sobre o autor:

PeezY7!%va4a5665Q#

Desculpe, os comentários estão desativados de momento.